Glossário "carnívoro"

A

Ascídio: Órgão geralmente em forma de urna ou saco, aberto ou operculado, resultante da transformação de uma folha ou de parte do seu limbo, presente nas plantas carnívoras, com a função de aprisionar pequenos animais (geralmente insetos) e digeri-los por enzimas digestívas em seu interior. Gêneros representantes: Cephalotus, Sarracenia, Nepenthes, Darlingtonia e Heliamphora.

B

C

D

Dormência: Período longo de inatividade, com metabolismo reduzido ou suspenso, geralmente associado a condições ambientais desfavoráveis

E

F

Factor abiótico – Parte constituinte de um ecossistema. Um ecossistema é constituído pelos seres vivos – Factor biótico -, pelo meio envolvente (salinidade, luminosidade, humidade, solo, etc) – Factor abiótico – e pelas relações estabelecidas entre os seres entre si e com o meio. Assim, factores abióticos são os diversos parâmetros ambientais.

Factor biótico - Seres vivos presentes num ecossistema

Fenótipo – Conjunto de características expressas pelo indíviduo. Diferente de genótipo, que constitui o genoma do indivíduo, o fenótipo reflecte as características que ele expressa, isto é, o fenótipo é influenciado não só pelo genótipo como pelas condições ambientais.

Fitotelmo – São reservatórios biologicos vivos, capazes de armazenar água e várias formas de vida, como exemplo temos várias carnivoras como as nepenthes e as sarracénias.

G

genótipo -  genoma do indivíduo


Growlist: (ing.) Lista de plantas que cultiva, termo inglês

H

Herbário: Coleção de plantas secas que tem a finalidade de servir como um arquivo para a identificação das espécies vegetais. Tendo importância para a pesquisa na taxonomia e florística, como para outras ciências como a ecologia. Toda a pesquisa botânica tem somente validade com material comprobatório depositado em um herbário, pois sendo assim possível comprovar a verdadeira identidade da planta em estudo.

I

J

K

L

Lirio Cobra: (esp.) Darlingtonia

M

Movimentos násticos (ing. - nastic moviments) - São movimentos da planta que ocorrem em resposta a um estímulo, mas com direção independente da posição da origem do estímulo. Provavelmente, os movimentos násticos de mais ampla ocorrência nas plantas são os movimentos "de dormir", ou seja, o fechamento das folhas.

Movimentos nictinásticos (ing. - nyctinastic moviments) - Do grego nyx, noite e nastos, fechamento. Significa o "fechamento noturno" das folhas em resposta aos ritmos diários de luz e escuro. As folhas são orientadas verticalmente no escuro e horizontalmente na luz. Movimento comum em leguminosas.

Movimentos tigmonásticos (ing. - thigmonastic moviments) - Fechamento repentino das folhas em resposta ao toque, agitação ou estímulo elétrico ou térmico. Presente, por exemplo, em algumas espécies do gênero Mimosa e na planta carnívora Dionaea muscipula.

Movimentos seismonásticos (ing. - seismonastic moviments) - O mesmo que "Movimentos tigmonásticos".

Mucilagem – Material espesso e pegajoso semelhante a cola produzido, sob a forma de gotas, por algumas plantas carnívoras, como do género Drosera, Drosophyllum, etc.

N

O

Orvalhinha: Nome popular usado para designar algumas plantas carnívoras, geralmente Droseras. Em Portugal o termo é usado para designar plantas carnívoras da espécie Drosophyllum lusitanicum

P

Planta Arco Iris: (esp.) Byblis

Plasticidade fenotípica – Plasticidade do fenótipo, isto é, capacidade de admitir uma variedade morfológica e fisiológica muito distinta de acordo com as condições ambientais para um mesmo indivíduo.

Q

R

Rizoma – Estrutura caulinar que algumas plantas possuem. Caracteriza-se por crescer na horizontal, e tem uma função de reserva nutritiva bem como de reprodução assexuada, através do alongamento e posterior separação de partes do mesmo. Presente em plantas carnívoras como a Dionaea muscipula ou as Sarracenia sp.

S

Seedlings: (ing.) Planta muito jovem criada de semente, termo inglês.

T

Taxonomia: Parte da sistemática que se ocupa das regras e dos princípios a serem usados para nomear, delimitar e classificar os organismos.

Turion: Termo usado para designar órgão dormente vegetativo resistente produzido por plantas aquáticas perenes, naturais de regiões subtropicais ou temperadas, que se forma como resposta à condições ambientais desfavoráveis. Os turions podem ser formados à partir de brotos apicais, brotos axilares, e até mesmo segmentos do rizoma. Normalmente encontrado em plantas carnívoras, como as Aldrovandas e algumas espécies de Utricularias.

U

Utrículo: Pequena vesícula de origem foliar, que se fecha por uma válvula, e cuja função é aprisionar e digerir minúsculos animais aquáticos (característica do gênero Utricularia), homóloga ao ascídio de outras plantas carnívoras.

V

VFT: (ing.) Venus Flytrap - Dionaea muscipula, termo e abreviatura em inglês para a Dionea muscipula

W

Wishlist: (ing.) Lista das plantas que deseja, termo inglês.

X

Y

Z